Nosso Blog

Insalubridade para motoristas e cobradores: saiba como receber o adicional

Insalubridade para motoristas de ônibus

Você sabia que é possível solicitar o adicional de insalubridade para motoristas e cobradores que trabalham diariamente em contato constante com vibrações? 

Para que a Justiça reconheça o adicional, é preciso passar pela perícia técnica. 

Se você trabalha como motorista de caminhão, ônibus ou se é cobrador ou ajudante de carga e descarga, fique atento(a) a como você pode solicitar e ter o direito de receber o pagamento de adicional de insalubridade. Confira a seguir no texto como fazer isso. Boa leitura!

O que é o adicional de insalubridade

A Justiça do Trabalho reconhece que devem receber adicional de insalubridade aqueles profissionais que colocam em risco a sua saúde por estarem expostos, diariamente, a agentes insalubres. 

E são consideradas atividades insalubres aquelas que têm contato diário com agentes como radiação, calor excessivo, frio excessivo, ruídos de impacto e contínuo, agentes químicos, vibrações, umidade, dentre outros. 

Recentemente, a Justiça do Trabalho reconheceu que motoristas de ônibus e cobradores, tratoristas, motoristas e ajudantes de distribuição de cargas também têm direito a receber o adicional de insalubridade por trabalharem constantemente expostos à vibração, ruído e calor. 

Portanto, a depender do grau de insalubridade ao qual você é exposto(a), o adicional de insalubridade pode ser de 10%,20% e 40% no salário. 

Existem limites de tolerância para a exposição que seguem uma tabela divulgada pela Norma Reguladora (NR -15) do Ministério do Trabalho e Emprego. Nela, são estabelecidos os limites mínimos e máximos pelos quais o funcionário pode ficar exposto à insalubridade.

Como solicitar o adicional de insalubridade para motoristas e cobradores 

Se você trabalha como motorista, seja de ônibus ou caminhão, ou de distribuição de carga, ou ainda trabalha como cobrador ou ajudante de carga e descarga, e tem contato diário com vibrações, ruídos altos e altas temperaturas, então você pode solicitar o seu adicional de insalubridade na Justiça do Trabalho.

Quando se fala de vibração, automaticamente pensamos em atividades que estão em constante movimentação, balançando muito ou chacoalhando, como é o caso de atividades da indústria da construção civil (fundações) e manuseio de máquinas agrícolas. 

Porém, motoristas de ônibus urbano e caminhão, assim como cobradores e ajudantes, também estão sujeitos à exposição da vibração, mesmo que durante as suas atividades não existam movimentos muito bruscos ou sem trepidação.

Para conseguir o adicional de insalubridade para motorista, você precisará de um laudo pericial, ou seja, passar por uma perícia técnica. E, uma vez reconhecido o seu direito, você terá o adicional de insalubridade de 20% sobre o salário mínimo, o que é considerado o grau médio.

Dessa forma, se você está inserido(a) nessa situação, procure um advogado trabalhista especialista, ele te ajudará a entrar com uma reclamação trabalhista para garantir o seu direito na Justiça. 

Conte conosco para garantir mais esse direito! Nosso escritório tem 12 anos de experiência na área trabalhista, com profissionais especialistas prontos para entrar com a sua ação judicial e garantir o seu direito de insalubridade. Clique aqui e converse agora com a nossa equipe. 

Deixe sua mensagem

Sobre o Davydson Castro & advogado associados

Nossa equipe conta com corpo multidisciplinar e qualificada de advogados e estagiários.

Tel : 81 98811-8000

desvio de função no trabalho - como funciona e como receber os direitos
Notícias

Como identificar e comprovar o desvio de função no trabalho

Você exerce uma atividade diferente da que está especificada na sua carteira de trabalho? Cuidado pois você pode estar passando por uma situação de desvio de função no trabalho. Para que você entenda como funciona o desvio de função no trabalho, montamos esse conteúdo completo para tirar suas dúvidas. Confira!

Leia mais »
Posso pedir demissão e sair imediatamente? Entenda como funciona
Notícias

Posso pedir demissão e sair no mesmo dia?

Você sabia que é possível pedir demissão e sair no mesmo dia do serviço, porém a depender do tipo de contrato que você tem com a empresa, essa situação pode te trazer prejuízos. Confira no texto como funciona o processo de demissão imediata. Boa leitura!

Leia mais »
No more posts to show
Com mais de 10 anos de comprometimento e seriedade, nosso escritório já atuou em mais de 3000 processos com uma equipe jurídica especializada e atualizada para melhor lhe atender.

CONTATO

Localização